Snow

Notícias

26 de Fevereiro, 2021

Arganil dispõe de viatura elétrica para cuidados de saúde mais próximos

Está a funcionar desde esta sexta-feira, 26 de fevereiro, o Centro de Vacinação Covid-19 em Arganil, instalado no piso zero da antiga Cerâmica Arganilense. O arranque da campanha de vacinação nesta estrutura de apoio foi acompanhado pela vice-presidente da Câmara Municipal de Arganil, Paula Dinis, que se revelou satisfeita com as condições oferecidas à população naquele espaço amplo, pensado para facilitar o processo e manter o distanciamento.

Este Centro de Vacinação, providenciado pelo Município de Arganil, em articulação com o ACES Pinhal Interior Norte e o Centro de Saúde de Arganil, possui uma área de receção, um gabinete médico, cinco postos de vacinação, uma sala de espera pré-vacinação e uma zona pós-vacinação, onde os utentes aguardam 30 minutos após a administração da vacina, para vigilância e recobro.

Trata-se de uma estrutura de apoio que permite reforçar o processo de vacinação contra a Covid-19, que teve início há cerca de duas semanas no Centro de Saúde de Arganil e abranger, nesta fase, pessoas com mais de 80 anos e pessoas com mais de 50 anos que sofram de algumas doenças identificadas.

Inicialmente, pensou-se na instalação do centro de vacinação junto ao Serviço de Urgência Básica, pela proximidade aos serviços de saúde, mas o edifício da antiga Cerâmica Arganilense foi considerado a resposta mais adequada às necessidades dos munícipes em todo o processo, permitindo-lhes ser vacinados de uma forma segura, cómoda e eficaz.

Além de todo o trabalho desenvolvido em estreita articulação com o ACES PIN e o Centro de Saúde, o Município de Arganil contou com o envolvimento do Instituto Kaizen na implementação deste Centro de Vacinação contra a Covid-19, nomeadamente através da gestão da operação, logística e organização de fluxo de utentes e de técnicos de vacinação no espaço.


24 de Fevereiro, 2021

Arganil dispõe de viatura elétrica para cuidados de saúde mais próximos

O presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luís Paulo Costa, recebeu das mãos do presidente da Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra, José Carlos Alexandrino, as chaves de uma Unidade Móvel de Saúde, 100% elétrica e devidamente adaptada para prestar cuidados de saúde domiciliários à população mais distante do concelho, sobretudo a famílias e grupos mais vulneráveis.

Esta viatura vai estar ao serviço do Centro de Saúde de Arganil, sendo, nesta fase, um meio essencial e prioritário na resposta aos desafios da pandemia da Covid-19. Assumindo-se como uma mais-valia para os profissionais de saúde, a unidade móvel está especialmente vocacionada para a prevenção, vigilância de saúde e prestação de cuidados primários, beneficiando sobretudo a população mais idosa, geralmente com maiores dificuldades de transporte e mobilidade.

“Através desta unidade móvel vai ser possível reforçar os cuidados de saúde prestados aos nossos munícipes, independentemente do ponto do concelho em que se encontram”, realça Luís Paulo Costa, presidente da Câmara Municipal de Arganil.

Nos termos do protocolo de cooperação estabelecido, compete ao Centro de Saúde de Arganil assegurar o pessoal de enfermagem, material médico cirúrgico e de consumo clínico, cabendo ao Município de Arganil disponibilizar a viatura, sua manutenção e respetivo motorista. A viatura elétrica de passageiros de cinco lugares inclui uma bancada de trabalho, contentores de acondicionamento e transporte de resíduos hospitalares, sistema de fixação dos equipamentos, um dispensador de gel desinfetantes, um nebulizador ultrassónico, um aspirador de secreções e um monitor ambulatório de pressão arterial e oxímetro.

A Unidade Móvel de Saúde foi entregue ao Município de Arganil no âmbito do projeto piloto “Região de Coimbra +PROXIMIDADE”, promovido pela Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra, com a colaboração da Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro, tendo sido apoiada pelo Centro 2020 – Programa Operacional Regional do Centro, Portugal 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER).

Na sessão de entrega das viaturas, decorrida no passado dia 19 de fevereiro, na sede da CIM Região de Coimbra, participaram o Secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, e o Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, que é também o coordenador da execução das medidas de combate à pandemia da Covid-19 na Região Centro.

Candidatura aprovada para a aquisição de dois automóveis elétricos

Com vista à promoção da descarbonização e da melhoria do desempenho ambiental da CMA, esta autarquia viu também aprovada uma candidatura ao Fundo Ambiental, no âmbito da terceira fase do Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na Administração Pública, que permitirá adquirir mais dois veículos elétricos para renovação do parque de viaturas municipais. Esta iniciativa permitirá garantir uma redução gradual das emissões poluentes do parque automóvel municipal, contribuindo para a diminuição do seu impacto no ambiente, nomeadamente nas alterações climáticas, na qualidade do ar e ruído.


15 de Fevereiro, 2021

Município apoia Centro de Saúde de Arganil na vacinação contra a Covid-19

O Mercado Municipal de Arganil e a Feira Semanal reabrem esta quinta-feira, 18 de fevereiro, exclusivamente para venda de produtos alimentares, com salvaguarda das condições de segurança e o cumprimento das orientações definidas pela Direção-Geral da Saúde e pelo respetivo Plano de Contingência.

A decisão foi tomada por Despacho do presidente da Câmara, Luís Paulo Costa.






12 de Fevereiro, 2021

Município apoia Centro de Saúde de Arganil na vacinação contra a Covid-19

O Município de Arganil está em articulação com as autoridades de saúde na agilização do processo de vacinação contra a Covid-19 no concelho. A colaboração da Autarquia prende-se, nesta fase, com a instalação de um centro de apoio logístico para vacinação, dotado das condições necessárias à segurança dos utentes e dos profissionais de saúde.

Acolhendo a sugestão do Diretor do Centro de Saúde de Arganil, esta unidade de vacinação vai ser instalada no parque de estacionamento do Serviço de Urgência Básica de Arganil (SUB), reunindo requisitos importantes como o acesso e a proximidade ao Centro de Saúde. Esta estrutura contará com uma zona que servirá de sala de “recobro”, proporcionando conforto aos utentes enquanto aguardam durante 30 minutos após lhes ser ministrada a vacina. Neste processo de vacinação, que se antevê longo, o Município vai, ainda, colaborar com o Centro de Saúde de Arganil através da cedência de dois colaboradores, numa fase inicial, para prestar apoio na área administrativa.

A nova etapa de vacinação definida pelo Plano Nacional de Vacinação teve início esta quinta-feira, 11 de fevereiro, no concelho de Arganil e vai abranger, progressivamente, as pessoas com mais de 80 anos e pessoas com mais de 50 anos que sofram de algumas das quatro doenças identificadas no plano de vacinação: insuficiência cardíaca, doença coronária, insuficiência renal e DPOC – Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica ou doença respiratória crónica sob suporte ventilatório e/ou oxigenoterapia de longa duração.

A marcação da toma da vacina contra a Covid-19 é feita pelo Serviço Nacional de Saúde, pelo que todos os munícipes devem aguardar o contacto desta autoridade de saúde.


10 de Fevereiro, 2021

Município lança desafio semanal e virtual de atividade física: #Arganilfitemcasa

A pandemia provocada pela doença COVID-19 levou ao encerramento de vários espaços onde a saúde era promovida diariamente, através da prática de atividade física ou modalidades desportivas.

Durante o período de confinamento, a população viu-se forçada a passar a uma nova realidade dentro de sua casa e é neste contexto adverso, que se torna essencial procurarmos cuidar da nossa saúde física e mental, seguindo o lema “mente sã em corpo são”.

Foi com o objetivo de dar resposta a esse desafio que se coloca a todos nós que o Município de Arganil criou o programa de atividade física #ArganilFitEmCasa, que assume o formato de desafio semanal, onde a partir da demonstração de uma série de exercícios os participantes são convidados a replicá-los em sua casa e a partilhar o resultado comentando as publicações #ArganilFitEmCasa nas redes sociais do Município de Arganil. Assim poderá cuidar de si, sem deixar de dar cumprimento ao confinamento obrigatório.

Cuide de si e não se esqueça #ArganilFitemCasa.


28 de Janeiro, 2021

Câmara Municipal de Arganil garante refeições em take away a alunos beneficiários da Ação Social Escolar

Em consequência do encerramento das escolas motivado pelo aumento de casos por COVID-19, a Câmara Municipal de Arganil vai assegurar refeições em regime take away, mediante solicitação, aos alunos beneficiários dos Escalão A (1) e B (2) da Ação Social Escolar, do ensino Pré-Escolar e do 1º Ciclo do Ensino Básico do concelho de Arganil.

O fornecimento de refeições neste formato surge como inferência direta do encerramento de escolas, mas também com o propósito de garantir que os alunos beneficiários da Ação Social Escolar continuam a disfrutar de uma refeição equilibrada e completa, ainda que fora do recinto escolar.


19 de Janeiro, 2021

TAKE-AWAY de CÁ: o serviço de entrega de refeições gratuito à sua porta

Decorrente do novo estado de emergência e do conjunto de medidas extraordinárias que têm como objetivo limitar a propagação da pandemia por COVID-19, a restauração viu-se obrigada a fechar portas, mantendo-se a funcionar apenas em regime take-away.

A Câmara Municipal atenta e ciente das dificuldades deste sector, um dos que mais tem sofrido os efeitos da pandemia e que assume uma grande relevância económica no concelho, decidiu avançar com a medida de apoio: “Take-Away de CÁ”.

O serviço Take-Away de CÁ vai possibilitar que os estabelecimentos de restauração aderentes e interessados façam entregas comodamente ao domicílio, recorrendo a um serviço de táxi. O comprador apenas paga o valor da refeição, assegurando a autarquia o valor de transporte. Para usufruir deste serviço o valor total da compra deve ser de pelo menos 15€, sendo que o transporte é feito num raio de 5Km dentro do concelho, partindo da lista de restaurantes aderentes que pode ser consultada abaixo. O valor total da compra é pago no acto da entrega ao taxista que a fizer.

Esta é mais uma medida de apoio que parte da Câmara Municipal de Arganil para mitigar os impactos negativos causados pela pandemia por COVID-19, tanto na restauração como nos transportes de taxi e que surge como incentivo à utilização destes meios e à compra na restauração do concelho, contribuindo para o desenvolvimento económico e manutenção de postos de trabalho.

Caso tenha um estabelecimento comercial que sirva refeições e pretenda aderir a este serviço, por favor contacte 235 200 137.

Nome do estabelecimento Contactos Freguesia
A Grelha 235208867 Arganil
Café Argus 235208037; 966772235 Arganil
Eduardus Bar 235205431 Arganil
Tó Bela 235202089 Arganil
O Pão Quente 235204734 Arganil
Kebab do Açor 235032411 Arganil
A Cascata 235203123;965753356 Arganil
Churrasqueira Sabores do Açor 235203032;963666595 Arganil
Churrasqueira Piri-Piri 235208819;960046140 Arganil
O Mendes 235 204 589; 964 488 035 Secarias
A Impala - Restaurante 235 205 504 Sarzedo
D'Aqui e D'Acolá 969646454; 235098144 UF Coja e Barril de Alva
Cantinho do Pestisco - Coja 235728053; 927379113 UF Coja e Barril de Alva
O Príncipe do Alva 967087312 UF Coja e Barril de Alva
O Lagar do Alva 235721640;969890059 UF Coja e Barril de Alva
Churrasqueira de São Martinho da Cortiça 239458163; 963031505 São Martinho da Cortiça
O Dominó 239455467;963518122 São Martinho da Cortiça
O Cantinho – Mucelão 239455223; 960247481 São Martinho da Cortiça

14 de Janeiro, 2021

Encerramento do Mercado Municipal e suspensão da Feira Semanal de Arganil

Tendo por base a reavaliação da situação epidemiológica no país, o Governo determinou um conjunto de medidas extraordinárias que têm por objetivo limitar a propagação da pandemia e proteger a saúde pública.

Assim, dando cumprimento às medidas decretadas no âmbito da renovação do estado de emergência, que vai estar em vigor entre as 00h00 do dia 15 de janeiro e as 23h59 do dia 30 de janeiro, a Câmara Municipal de Arganil vai encerrar, já a partir desta sexta-feira, os seguintes espaços municipais:
– Piscina Municipal de Arganil
– Biblioteca Municipal Miguel Torga, Arganil
– Biblioteca Alberto Martins de Carvalho, Côja
– Arquivo Municipal
– Posto de Turismo de Arganil e Piódão
– Núcleos Museológicos de Etnografia e Arqueologia de Arganil
– Auditório e Multiusos da Cerâmica Arganilense

O atendimento presencial nos demais espaços municipais, como o Balcão Único, será feito mediante marcação prévia, sendo mantida e reforçada a prestação dos serviços através dos canais alternativos. Evite deslocações, entre em contacto com o Município através do telefone, email ou do portal municipal.

Contamos com a compreensão e colaboração de todos os nossos munícipes neste responsável compromisso de salvaguardar a saúde pública e prevenir o contágio pelo novo coronavírus.


12 de Janeiro, 2021

Encerramento do Mercado Municipal e suspensão da Feira Semanal de Arganil

Considerando o agravamento da situação epidemiológica no país e, em particular, no concelho de Arganil, a Câmara Municipal determinou o encerramento do Mercado Municipal e a suspensão da Feira Semanal por tempo indeterminado.

Trata-se de uma medida preventiva, de contenção e mitigação da transmissão do novo coronavírus, tomada na certeza de que será essencial para acautelar a saúde de todos os munícipes.

O Despacho hoje assinado pelo Presidente da Câmara, Luís Paulo Costa, pode ser alterado em função da evolução da situação de saúde pública, bem como das Resoluções do Conselho de Ministros e restantes diplomas legais que venham a entrar em vigor.

Consultar: Despacho Mercado Municipal e Feira Semanal


8 de Janeiro, 2021

Município de Arganil isenta de taxas comerciantes e feirantes

A Câmara Municipal de Arganil vai isentar cafés, restaurante e estabelecimentos comerciais similares do pagamento de taxas de ocupação do espaço público e de publicidade no primeiro trimestre de 2021. A proposta do executivo assume-se como uma resposta ao agravamento da situação epidemiológico no concelho neste início de 2021 e como uma medida de apoio a um dos setores mais fragilizados e fustigados pelos efeitos da pandemia.

O intuito da autarquia passa por minimizar o impacto negativo que as restrições impostas pela Covid-19 têm vindo a provocar na economia local e apoiar os pequenos comerciantes que foram e vão ser forçados a encerrar, suspender ou condicionar a sua atividade por força das difíceis circunstâncias.

A medida libera os estabelecimentos comerciais do pagamento de taxas de ocupação do espaço público (toldos, esplanadas, expositores) e de publicidade, bem como de rendas correspondentes à utilização e exploração de espaços municipais. A isenção abrange igualmente as taxas de ocupação de espaços e vendas no Mercado Municipal e na Feira Semanal.

“Todos, sem exceção, têm visto a sua vida afetada pela situação de saúde pública que atravessamos, mas reconhecemos que a pandemia tem sido particularmente severa com o comércio”, frisa Luís Paulo Costa, presidente da Câmara. “Entendemos, assim, apoiar os comerciantes e feirantes do concelho, isentando-os por um período inicial de três meses de todas as taxas e rendas que, em condições normais, teriam de pagar ao município”.

Para o líder do executivo camarário, este apoio “deve ser complementado com as medidas de apoio à atividade económica determinadas pelo Governo, considerando aquilo que são os mecanismos europeus que foram recentemente anunciados e que representam valores muito significativos de incentivo à normalização da atividade”.

Mantendo um cuidado e contínuo trabalho de reajuste das respostas às necessidades dos munícipes, em função da evolução da situação pandémica no território, a autarquia pode vir a prolongar a medida, oportunamente.

A proposta será submetida à validação da Assembleia Municipal, no próximo mês de fevereiro, depois de aprovada por unanimidade em sessão de Câmara realizada na passada terça-feira, 5 de janeiro.


11 de Dezembro, 2020

ANF dá conhecer à Câmara Municipal o apoio prestado à comunidade em contexto de pandemia

O Presidente e a Vice-Presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luis Paulo Costa e Paula Dinis, respetivamente, visitaram na passada semana, a convite da Associação Nacional de Farmácias (ANF) e acompanhados pelos seus representantes, a Farmácia Moderna em Arganil.

O objetivo da visita em causa foi essencialmente dar a conhecer as respostas e o esforço que as farmácias desenvolvem diariamente para garantir um serviço seguro e de qualidade aos utentes, particularmente no atual contexto de insegurança e incerteza que a pandemia desencadeou.

Esta reunião, à qual se juntou a Dra. Isabel Martins, diretora técnica da Farmácia Moderna, surge no seguimento da atividade ininterrupta que as farmácias têm tido no apoio à comunidade local, reforçada ao longo dos últimos meses de acordo com a crise sanitária que atravessamos, bem como, demonstrar a disponibilidade das farmácias para colaborar de forma ativa com as políticas de saúde de proximidade promovidas pelas autarquias locais.

Relembra-se que as farmácias têm assegurado o acesso dos utentes aos medicamentos e dado apoio 24 horas por dia através da Linha 1400 – Serviço de Assistência Farmacêutica, que permite dar orientação ao cidadão para a farmácia mais próxima com disponibilidade de stock do medicamento pretendido. Ainda dentro dos apoios prestados e através da Operação Luz Verde, as farmácias puderam em tempos que pediam recolhimento, fazer a entrega de medicamentos hospitalares na farmácia mais próxima ao seu domicílio.

Atenta aos constrangimentos que a atual situação de pandemia causa, também a Câmara Municipal de Arganil entendeu, assim que foi determinado um número limitado de pessoas dentro do espaço físico das farmácias, colocar coberturas no exterior para que os utentes pudessem aguardar pela sua vez de forma mais confortável.


26 de Novembro, 2020

Município de Arganil continua a comparticipar medicamentos a pessoas com carência económica

O Município de Arganil encontra-se a comparticipar medicamentos aos munícipes que se encontrem em comprovada situação de carência económica, desde 1 de fevereiro de 2018, data na qual celebrou protocolo com a Associação Dignitude e se associou ao programa ABEM – Rede Solidária do Medicamento.

O apoio, que emerge do protocolo estabelecido e do seu programa de ação, garante aos seus beneficiários o acesso a medicamentos prescritos por receita médica, sendo que o valor não comparticipado pelo Serviço Nacional de Saúde é financiado em parte pelo município e os restantes valores assegurados pelo Fundo Solidário ABEM. Este Fundo é composto por uma rede de parcerias, nomeadamente das farmácias portuguesas, que asseguram o circuito solidário do medicamento.

A Câmara Municipal de Arganil, consciente do agravamento das situações de carência económica no concelho, que a pandemia por COVID-19 veio em alguns casos ampliar, aprovou para 2021 um reforço da dotação financeira aplicado a este programa, para que seja possível atender um maior número de situações.

Para qualquer esclarecimento ou pedido de informação deve dirigir-se aos Serviços de Ação Social do Município de Arganil, no Centro de Atividades Juvenis, sito no Largo Fonte da Bica, Rua Frederico Freitas Simões, através dos contactos 235 200 143 / 235 200 144 ou accao.social@cm-arganil.pt.


26 de Novembro, 2020

Município de Arganil junta-se à ERSUC na campanha “Mercado a Reciclar”

A ERSUC e o Município de Arganil arrancaram esta quinta-feira com a campanha “Mercados a Reciclar” no Mercado Municipal e Feira Semanal de Arganil. Esta ação consiste na sensibilização da comunidade em geral e, em particular dos feirantes, para a importância da separação dos resíduos recicláveis, disponibilizando-lhes sacos adequados à correta separação. Posteriormente os resíduos são transportados para o Centro de Recolha, em Vale de Zebras, onde são devidamente separados, prensados e acondicionados por colaboradores e utentes da APPACDM, recolhidos depois pela ERSUC para respetiva valorização. A ERSUC, como contrapartida, compensa monetariamente a APPACDM pelos materiais recicláveis recolhidos.

Com esta iniciativa o Município de Arganil assume o seu compromisso na promoção da gestão adequada dos resíduos, contribuindo para uma cidadania ativa no domínio do desenvolvimento sustentável e para a construção de uma sociedade de baixo carbono e inclusiva. Esta ação desenvolve-se no âmbito da campanha “O Futuro do Planeta Não é Reciclável”, da ERSUC e restantes empresas do Grupo EGF, e da “Semana Europeia da Prevenção de Resíduos” que decorre entre 21 a 29 de novembro de 2020. O tema deste ano, “Resíduos invisíveis”, tem como objetivo informar e aumentar a consciencialização sobre a enorme quantidade de desperdício que todos nós inconscientemente geramos.


18 de Novembro, 2020

Suspensão do Dia da Defesa Nacional 2020

Face ao agravamento da situação epidemiológica do país e à incerteza quanto à evolução da COVID-19, foi determinada a suspensão do Dia da Defesa Nacional em todos os Centros de Divulgação, de 16 de novembro a 4 de dezembro de 2020.

Os/as cidadãos/ãs convocados/as em Edital para comparecer ao Dia da Defesa Nacional durante este período terão o seu Dia remarcado para o próximo ano.

Os/as jovens devem estar atentos/as aos Editais de Convocação de 2021 que serão afixados até ao final do ano de 2020 nas Câmara Municipais, Juntas de Freguesia, Postos Consulares e em bud.gov.pt, onde pode ser consultada toda a informação.


17 de Novembro, 2020

Feira Semanal e Mercado Municipal de Arganil mantêm-se em funcionamento

A Feira Semanal de Arganil vai continuar a realizar-se à quinta-feira, por decisão do Presidente da Câmara Municipal, Luís Paulo Costa através do Despacho nº17/GP/2020, não obstante o concelho de Arganil figure agora na lista de concelhos sujeitos a medidas especiais, no âmbito da pandemia por COVID-19.

A decisão de realização de feiras e mercados, transposta para as autarquias através da Resolução do Conselho de Ministros 92-A/2020, refere que estas podem ser autorizadas mediante o cumprimento escrupuloso das medidas de higiene e segurança emanadas pela Direção Geral de Saúde, facto este que desde a sua reabertura se tem verificado em pleno.

Pesa na decisão, para além da verificação do estrito cumprimento de todas as regras impostas dentro do recinto da feira semanal, a inquestionável função económica e social deste sector retalhista, o qual representa um importante apoio ao desenvolvimento da economia local.


12 de Novembro, 2020

Município de Arganil reforça a limpeza e desinfeção de contentores de resíduos sólidos urbanos

A limpeza e desinfeção de contentores é um serviço essencial no âmbito da promoção da qualidade de vida e da saúde pública das populações.

Integrado no seu plano de limpeza e desinfeção de contentores de resíduos sólidos urbanos, bem como, com o objetivo de mitigar a propagação do novo coronavírus, o Município de Arganil encontra-se a efetuar trabalhos de higienização e desinfeção de contentores no concelho. Estes trabalhos consistem na limpeza e lavagem hermética interior e exterior dos contentores. Para o Município de Arganil esta assume-se uma operação essencial, na qual também o cidadão tem um papel importante, sobretudo no que diz respeito:

- ao acondicionamento dos resíduos, através da utilização de sacos estanques;

- à correta deposição dos resíduos nos respetivos contentores, não deixando qualquer tipo de resíduo no exterior dos contentores e ecopontos;

- à deposição de máscaras e luvas usadas no lixo comum e nunca no ecoponto ou para o chão.


19 de Outubro, 2020

COVID-19: Conheça as regras que deve observar no cemitério municipal e nas celebrações da solenidade de Todos os Santos

Tendo em conta a Resolução do Conselho de Ministros n.º 88-A/2020, de 14 de outubro, que declarou a situação de calamidade em todo o território nacional continental em virtude da evolução da pandemia da doença COVID-19 em Portugal, foram estabelecidas novas regras a observar na realização de funerais no cemitério municipal e a adotar por ocasião do Dia de Todos os Santos, exaradas pelo despacho GP/16/2020.

Deste modo, a partir do dia 19 de outubro as exéquias ficam reservadas a um máximo de trinta pessoas, devendo tratar-se dos familiares mais próximos, nomeadamente o cônjuge ou unido de facto, ascendentes, descendentes, parentes ou afins (número que exclui os colaboradores do município e das agências funerárias). Mantém-se a imposição da urna permanecer fechada, não sendo possível o contacto dos familiares com o corpo.

No que respeita, em especial, à celebração da solenidade de Todos os Santos, durante os dias 31 de outubro, 01 e 02 de novembro serão estabelecidos circuitos específicos de entrada e saída no cemitério que se encontrará com horário alargado durante o fim-de-semana (08:00 às 19:00 horas). A capacidade máxima do espaço, tendo em conta a sua área útil, fixa-se em 80 pessoas.

O Município de Arganil recomenda que se evite a deslocação ao cemitério nos horários considerados de maior afluência e que os cidadãos incluídos nos grupos mais vulneráveis optem por outros períodos para recordar os seus entes queridos que já partiram. Também a preparação e ornamentação das campas e jazigos deve realizar-se previamente e com recurso a utensílios próprios, de forma a permitir a redução da permanência no cemitério, que deve restringir-se ao estritamente necessário.

A todo o tempo, em ambas as circunstâncias, mantém-se a necessidade de observar as medidas de distanciamento social (mínimo de dois metros), higiene das mãos e etiqueta respiratória.

A autarquia lamenta qualquer dificuldade decorrente das medidas aqui explanadas, estando certa de que se encontra a trabalhar no sentido de garantir uma melhor proteção da saúde pública, minimizando possíveis riscos de contágio e propagação da COVID-19 no concelho.

Em virtude da evolução da pandemia, os procedimentos descritos poderão ser alvo de alterações a qualquer momento caso seja publicado pelo Governo diploma de conteúdo dissidente.

Despacho GP/16/2020 – Cemitério Municipal / Funerais / Dia de todos os Santos - Pandemia causada por SARS-COV-2 (COVID-19)


22 de Setembro, 2020

Horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais

Considerando os pareceres favoráveis emitidos pela autoridade local de saúde e das forças de segurança, determina o presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luís Paulo Costa, que os estabelecimentos abrangidos pelo nº 1 do artigo 10º do Anexo à Resolução do Conselho de Ministros nº 70-A/2020, de 11 de setembro, podem ter horário de abertura a partir das 08:00 horas.

Em tudo o restante, deverão ser cumpridas todas as normas constantes da Resolução do Conselho de Ministros nº 70-A/2020, de 11 de setembro, nomeadamente quanto ao horário de encerramento dos mencionados estabelecimentos, ou seja, o encerramento deverá ocorrer entre as 20:00h e as 23:00 horas.

Clarifica-se, nos termos do nº 2 do Despacho nº 8998-D/2020, de 18 de setembro, conjugado com as alíneas c) e d) do nº 1 do artigo 16º da Resolução do Conselho de Ministros nº 70-A/2020, de 11 de setembro, que os estabelecimentos similares aos estabelecimentos de restauração, designadamente os cafés e pastelarias, podem encerrar até à 01:00 h, não podendo aceitar novas admissões a partir das 00:00 h.

Despacho N.º 15 – Horário de funcionamento dos estabelecimentos


16 de Junho, 2020

Piscina Municipal de Arganil reabre no dia 1 de Julho

A Piscina Municipal reabre no próximo dia 1 de julho, de acordo as indicações emanadas pelo Governo e com a Orientação nº 030/2020 de 29/05/2020, atualizada em 12/06/2020 da DGS, que se refere à prática de atividade física e desporto e, complementares orientações da Federação Portuguesa de Natação (FPN) relativamente ao funcionamento dos serviços.

Esta é mais uma medida da Câmara Municipal de Arganil no que ao plano de progressiva reabertura dos serviços diz respeito, reconhecendo a importância da Piscina Municipal de Arganil na promoção da saúde e bem-estar dos seus munícipes que agora acontece após a salvaguarda da saúde pública e observação de todas as orientações e conselhos das entidades competentes.

Para o funcionamento em segurança houve a necessidade de reajustar a oferta prestada por esta valência, sendo que durante o mês de Julho a Piscina vai funcionar no horário 15h00/21h00 de 2ª a 6ª-feira, disponibilizando os serviços: competição, aperfeiçoamento 1 e 2, Natação Adultos, hidroginástica e natação livre, de acordo com a lotação prevista nas orientações da FPN.

Os serviços de Hidro sénior, Aquagym, Natação Adaptada, Natação para Bebés, AMA 1 e 2 e Pré-Aperfeiçoamento estão temporariamente suspensos de acordo com as recomendações quer da DGS como da FPN de salvaguardar quer os grupos de risco como os grupos menos autónomos que obrigam ao acompanhamento permanente, assim como os serviços de sauna e banho turco, sala de espera / acompanhantes, chuveiros dos balneários, cacifos e secadores de cabelo.

Na salvaguarda da saúde pública, a duração das aulas e da natação livre é de 40 minutos, com intervalo de 30 minutos entre cada bloco de aulas, de forma a permitir a limpeza e higienização das instalações nomeadamente, balneários, nave, material pedagógico e respetiva substituição.

A Natação Livre necessita em todos os casos de marcação prévia e está sujeita a horário específico.

Para esclarecimento dos utilizadores relativamente às adaptações ao funcionamento da Piscina Municipal de Arganil, o Município de Arganil criou o Guia de Utilizador COVID-19, com todas as informações necessárias, apelando à responsabilidade de todos para o cumprimento das indicações disponibilizadas, uma vez que, só uma atitude responsável permite salvaguardar a integridade de todos.

Guia do Utilizador – COVID-19 (Piscina Municipal)


9 de Junho, 2020

Regressa o cinema ao Auditório da Cerâmica Arganilense

Após o interregno forçado com base no Estado de Emergência decretado, o cinema está de volta à Cerâmica Arganilense, já no próximo dia 12 de junho, de acordo com o Decreto-Lei n.º 10-I/2020, que estabelece medidas excecionais e temporárias de resposta à pandemia da doença COVID-19 no âmbito cultural e artístico, com o vencedor do Oscar para melhor filme: “Parasitas”.

De acordo com a Orientação nº 028/2020 de 28/05/2020, no qual a Direção-Geral da Saúde emite orientações, há alguns cuidados que devem ser observados, nomeadamente, o uso obrigatório de máscara, o respeito pelos circuitos assinalados, o distanciamento social e o respeito pelo lugar que o bilhete lhe conferiu, não descurando obviamente o cumprimento da etiqueta respiratória.

Tal como estabelecido, a ocupação do Auditório foi reduzida, sendo que a regra de atribuição de lugares vai cumprir um lugar livre entre espectadores que não sejam coabitantes e a fila anterior e seguinte com ocupação de lugares desencontrados. Para evitar aglomerados e de acordo com as orientações, as sessões não vão ter intervalo.

O calendário de exibições de cinema da Cerâmica Arganilense vai manter-se como habitualmente todas as sextas-feiras, com sessões às 21h30 e um domingo por mês, com filmes de animação, às 16h00. Para evitar filas e aglomerados, aconselhamos que adquira o seu bilhete previamente, no balcão de atendimento da Biblioteca Municipal Miguel Torga, a funcionar entre as 9h00 e as 18h30, de segunda a sexta-feira.

Para mais informações consulte o documento de Orientações de Utilização de Equipamentos culturais da Cerâmica Arganilense, aqui.


8 de Junho, 2020

Feira Semanal regressa em pleno com a reabertura de todos os sectores de comércio

A Feira Semanal de Arganil a realizar na próxima sexta-feira dia 12 de junho, considerando que a anterior quinta-feira é feriado, vai integrar todos os sectores de atividade e comércio, para além do sector agroalimentar que regressou no passado dia 21 de maio, de acordo com o Despacho emitido.

Esta é uma decisão da Câmara Municipal de Arganil, de acordo com o progressivo regresso à normalidade e gradual reabertura dos serviços municipais, em concordância com as orientações da Direção Geral de Saúde.

É importante frisar que na visita à Feira Semanal não deve deixar de observar a necessidade e obrigatoriedade do escrupuloso cumprimento das regras e medidas de segurança, que lhe estão subjacentes, nomeadamente o uso de máscara ou máscara e viseira, o distanciamento físico indispensável à contenção da infeção, a permanência apenas pelo tempo estritamente necessário, a desinfeção das mãos e o cumprimento da etiqueta respiratória.

Despacho Reabertura Total da Feira Semanal


28 de Maio, 2020

Espaço do Cidadão em Arganil reabre a 1 de junho

No seguimento das medidas de progressiva retoma do funcionamento dos serviços municipais, e com na base a Resolução do Conselho de Ministros n.º 33-C/2020 – Estratégia de levantamento de medidas de confinamento no âmbito do combate à pandemia da doença COVID 19, a Câmara Municipal de Arganil reabre ao público a partir do dia 1 de junho, o Espaço do Cidadão, a funcionar no espaço do Balcão Único, temporariamente na Avenida das Forças Armadas.

De acordo com as medidas de prevenção adotadas para o Balcão Único, por questões de saúde pública e em consonância com as recomendações da DGS, o atendimento só será feito por marcação prévia, através da utilização do endereço de correio eletrónico geral@cm-arganil.pt, ou do telefone: 235 200 148.

Para além da obrigatoriedade da observação de todas as recomendações da DGS, como etiqueta respiratória e distanciamento social de segurança, é obrigatório o uso de máscara no interior do espaço e durante todo o atendimento, bem como a desinfeção das mãos com solução de base alcoólica disponibilizada pelos serviços.

O Município de Arganil agradece a compreensão e cooperação de todos para que este se mantenha um espaço seguro e ao serviço do munícipe.


19 de Maio, 2020

Feira semanal de Arganil reabre na próxima quinta-feira com limitações

A Câmara Municipal de Arganil reabre a feira semanal na próxima quinta-feira, dia 21 de maio, de acordo com o Despacho Municipal GP 10/2020 emitido e, seguindo as medidas de contenção e combate à pandemia por SARS-COV-2, da Direção Geral de Saúde. O Mercado Municipal de Arganil encontra-se aberto, com limitações, desde a passada quinta-feira dia 14 de maio.

A reabertura da feira semanal vai ser gradual e vai para já centrar-se em produtos agroalimentares, nomeadamente: minimercado, talho, peixaria, padaria, frutaria e produtos hortícolas para consumo; restauração e similares; flores, plantas, hortícolas, árvores, sementes, especiarias e venda de animais. O horário de funcionamento ao público é entre as 8h00 e as 14h00 e no espaço delimitado apenas podem estar simultaneamente 100 pessoas.

Esta medida surge no âmbito da declaração de situação de calamidade pública e da qual resulta o levantamento gradual das restrições, dando ainda cumprimento à resolução n.º 38/2020 do Conselho de Ministros, que estabeleceu medidas excecionais e temporárias de resposta à pandemia.

É importante frisar que na visita à Feira Semanal não deve deixar de observar a necessidade e obrigatoriedade do escrupuloso cumprimento das medidas de segurança, nomeadamente o uso de máscara ou máscara e viseira, o distanciamento físico indispensável (2m) à contenção da infeção, a permanência apenas pelo tempo estritamente necessário, a desinfeção das mãos sempre que necessário em locais próprios para o efeito no local (ou utilização de luvas) e o cumprimento da etiqueta respiratória. Tais limitações estão também impostas aos vendedores.

Os Quiosques e Bares afetos à Feira Semanal passam também, para além de abertos ao público, a incluir esplanada, que vai funcionar desde que se verifiquem e sejam respeitadas as orientações da DGS para o sector da restauração. Tanto nos quiosques e bares como nas restantes bancas da feira, deve promover-se a contenção, tanto quanto possível, pelos trabalhadores ou pelos clientes, no que respeita ao toque em produtos ou equipamentos bem como em artigos não embalados, os quais devem preferencialmente ser manuseados e dispensados pelos trabalhadores. Em todas as situações devem prioritariamente ser atendidos, os profissionais de saúde, os elementos das forças e serviços de segurança, de proteção e socorro, o pessoal das forças armadas e de prestação de serviços de apoio social.

A Câmara Municipal de Arganil relembra que a abertura deste espaço de comércio ao ar livre pressupõe, tal como nos locais fechados, o cumprimento de regras e recomendações, de forma a garantir um regresso à normalidade com a máxima segurança, quer para clientes como para vendedores.

Regras de funcionamento e orientações – Feira Semanal

Plano de contingência – Mercado municipal e Feira semanal – COVID-19


12 de Maio, 2020

COVID-19: Mercado Municipal reabre no dia 14 de maio com limitações

No seguimento do progressivo levantamento das medidas de confinamento, aconselhadas pela DGS e estabelecidas pelo Governo, o Município de Arganil através do Despacho GP/9/2020 de 08/05/2020 começa gradualmente, à semelhança do país, a abrir alguns espaços anteriormente encerrados.

O Mercado Municipal abre assim novamente portas no próximo dia 14 de maio, porém com algumas limitações de funcionamento. Essas limitações baseiam-se essencialmente em medidas de segurança e salvaguarda da saúde pública no interior do espaço, quer por parte dos detentores dos espaços como dos clientes e, materializam-se no número de pessoas que podem ao mesmo tempo ocupar o espaço, que não deve exceder as 30 pessoas; o uso obrigatório de máscara ou máscara e viseira, desinfeção das mãos através de solução de base alcoólica disponibilizada ao público ou, utilização de luvas quando essencial e, distanciamento quer no atendimento como entre clientes de pelo menos 1 metro, embora preferencialmente e se possível, deva ser de 2 metros.

No exterior do Mercado no que se refere aos espaços de Talho e Peixaria, as condições mantêm-se idênticas quanto à proteção, distanciamento e etiqueta respiratória, no entanto, a permanência deve ser de apenas 1 cliente de cada vez dentro do espaço, a fila de espera, no exterior deve cumprir um distanciamento de 2m entre clientes, bem como não é permitido qualquer consumo no local.

Ainda no exterior do Mercado, nos Quiosques, as regras são as mesmas, acrescendo ainda que o seu funcionamento passe apenas pelo regime “take away”, sem qualquer consumo no local, no qual não deve também existir esplanada.

O Município de Arganil agradece a compreensão e sobretudo a colaboração de todos, para que o Mercado Municipal seja um local seguro para adquirir bens essenciais.

Despacho 9_GP_2020 COVID-19 de 08/05/2020


08 de Maio, 2020

Saúde e trabalho: Medidas de prevenção da Covid-19 nas empresas

No regresso progressivo à normalidade a DGS elaborou um documento orientador no âmbito do Programa Nacional da Saúde Ocupacional, para as empresas e trabalhadores, sobre de que forma podem ser concretizadas diversas medidas de prevenção da Covid-19, desde a higiene das mãos ao cumprimento da distância de segurança, passando pela desinfeção de objetos e superfícies comuns, etiqueta respiratória, proteção individual e automonitorização de sintomas dos trabalhadores.

Neste manual, a DGS recorda que as adequadas medidas preventivas nos locais de trabalho não só permitem salvar vidas, como também garantir o funcionamento das empresas e das cadeias de abastecimento de bens e serviços e, simultaneamente, evitar o absentismo ao trabalho, a doença e as perdas económicas e de produção.

O referido documento foi realizado pela Equipa de Coordenação do Programa Nacional da Saúde Ocupacional da Direção-Geral da Saúde e tem por objetivo sistematizar, com auxílio de exemplos práticos, as principais medidas de prevenção da COVID-19 que o empregador deve assegurar nos locais de trabalho. Consequentemente visa que cada empresa avalie os riscos e adote as necessárias medidas de prevenção e de proteção à infeção pelo novo coronavírus, de forma a salvaguardar uma prestação do trabalho em condições de higiene, segurança e saúde a todos os trabalhadores, tal como preconiza a Constituição da República Portuguesa, o Código do Trabalho e a Lei de Bases da Saúde.

DGS – Saúde e Trabalho: Medidas de Prevenção da COVID-19 nas empresas


07 de Maio, 2020

Balcão Único Municipal reabre ao público com limitações

De acordo com a estratégia do levantamento de medidas de confinamento pelo Conselho de Ministros e consequentes diretrizes da DGS, também o Município de Arganil inicia o trabalho progressivo de levantamento das medidas extraordinárias aplicadas aos serviços municipais.

Desta forma, foi hoje determinado em despacho municipal que o Balcão Único volta a abrir ao público com horário de atendimento entre as 9h00 e as 13h00 e as 14h00 e as 17h00, porém com a limitação de prestação de serviços municipais, mantendo-se suspenso os atendimentos prestados no Espaço do Cidadão. Refere ainda o documento que o uso de máscara ou viseira é obrigatório dentro deste espaço municipal, assim como a desinfeção das mãos com solução de base alcoólica disponibilizada pelos serviços.

Para além das regras de atendimento definidas legalmente, vai ser privilegiado o atendimento prioritário a pessoas acima dos 70 anos, pessoas com doenças crónicas, diabetes, hipertensão, compromisso do seu sistema imunitário, entre outras patologias consideradas de risco; profissionais de saúde e forças e serviços de segurança, de proteção e socorro, das forças armadas ou de prestação de serviços de apoio social.

O pagamento em numerário deve ser evitado, privilegiando-se o pagamento por cartão ou outro método eletrónico e o livro de reclamações, apesar de na presente conjuntura se encontrar suspensa a obrigatoriedade da sua apresentação, pode ser utilizado com as devidas regras de higienização, privilegiando-se também a sua utilização virtual através do site www.livroreclamacoes.pt.

Ainda que lentamente os serviços estejam a ser retomados e próximos da sua normalidade, pede-se alguma consciência e responsabilidade na deslocação aos espaços municipais, continuando a privilegiar a utilização de outros meios de atendimento, nomeadamente por correio eletrónico através do endereço geral@cm-arganil.pt, através do 235 200 148 ou de outros contactos telefónicos disponíveis no portal municipal.

Despacho Levantamento de Medidas de Confinamento – Balcão Único


07 de Maio, 2020

COVID-19: Revalidação das medidas de segurança no Cemitério Municipal

Considerando a Resolução do Conselho de Ministros nº 33-C/2020, de 30 de abril, que aprovou uma estratégia gradual de levantamento das medidas de confinamento, as orientações emitidas pela Direção-Geral de Saúde, a atualização do Plano de Contingência do Município de Arganil e o Despacho nº 8/GP/2020 do Sr. Presidente da Câmara Municipal, de 4 de maio, também a utilização do cemitério municipal no que respeita essencialmente aos funerais, foi alvo de uma avaliação e revalidação das medidas extraordinárias de funcionamento.

Assim, a partir de hoje e durante o estado de calamidade, apenas podem estar presentes nos funerais o cônjuge ou unido de facto, ascendentes, descendentes, parentes ou afins, não se incluindo neste número os trabalhadores ao serviço do Município de Arganil e das agências funerárias. Em todo o caso não devem ser descuradas as medidas de distanciamento social, higiene das mãos e etiqueta respiratória.

Relativamente ao anterior despacho, matem-se a imposição do caixão fechado que assim permanecerá durante todo o funeral não sendo possível em qualquer altura o contacto dos familiares com o corpo.

Continua ainda a ser recomendável que pessoas pertencentes a grupos de risco e por isso mais vulneráveis, quer sejam maiores de 70 anos, ou tenham anteriores problemas de saúde, não participem nos funerais.

Para segurança de todos, o Município de Arganil solicita a melhor compreensão para tal situação que se prevê temporária e que vai ao encontro do bem-estar de toda a população, ao minimizar riscos e possíveis cadeias de contágio da COVID-19 no concelho.

Despacho Cemitério Municipal – Levantamento de Medidas de Confinamento


05 de Maio, 2020

Alteração ao Plano de Contingência da Câmara Municipal de Arganil

De acordo com o Plano de Desconfinamento de 30 de abril de 2020, do Conselho de Ministros e do Despacho nº 8/GAP/2020 de 04 de maio de 2020, que referencia o levantamento de um conjunto de medidas implementadas no âmbito do combate à pandemia causada pela Covid-19, o Plano de Contingência Municipal desta autarquia foi alvo de avaliação e revalidação e, progressivamente, vem levantar algumas das medidas anteriormente impostas, tendo sempre em consideração a salvaguarda da saúde pública e, internamente, do colaborador.

Medidas e entrar em vigor a partir de 06 de maio de 2020:

A Câmara Municipal de Arganil, no sentido de proteger os seus colaboradores e munícipes, reabre os seus serviços de atendimento ao público de forma gradual e cumprindo os seguintes requisitos:

  • A lotação máxima dos serviços de atendimento ao público deverá ser de 5 pessoas por 100m /2 nas instalações fechadas, devendo estas garantir a distância de segurança de 2 metros entre si
  • É obrigatório o uso de máscara em espaços fechados. Colaboradores do atendimento ao público e público atendido deve usar sempre máscara durante todo o período em que permaneça dentro das instalações.

    Recomendações de atendimento ao público:

  • O colaborador deve estar protegido com máscara do tipo 1;
  • Deve existir solução de álcool gel no balcão de atendimento, tanto para o público como para o colaborador desinfetar as mãos sempre que necessário;
  • O balcão de atendimentos estará protegido com uma guarda de acrílico;
  • Após cada atendimento deve ser feita uma desinfeção das superfícies de contacto;
  • Deve reduzir-se ao máximo o número de objetos no balcão de atendimento;
  • Deve preferir-se, sempre que se aplique, o pagamento por multibanco em detrimento da utilização de dinheiro. Caso haja contacto com dinheiro, deve desinfetar as mãos de seguida;
  • O atendimento ao público será feito por marcação prévia, através dos números de telefone e e-mails disponibilizados, para assim evitar a concentração e tempos de espera das pessoas;
  • Devem estar colocadas, legíveis e visíveis, recomendações como: uso de máscara obrigatório, distâncias de segurança entre outras informações de relevo.

    Recomendações para o regresso dos colaboradores ao trabalho:

  • Continua o regime de teletrabalho para as funções que o permitam;
  • Continua a assegurar-se um horário desfasado e equipas em espelho nos locais de trabalho, sempre que possível;
  • Deve cumprir-se a distância de segurança para cada posto de trabalho.
  • Aconselha-se aos colaboradores com doenças crónicas a utilização de máscara no trabalho, bem como o reforço nas medidas de higienização das mãos;
  • As reuniões de trabalho deverão ser feitas por videoconferência;
  • A todos os colaboradores que estejam em contacto com o público devem ser distribuídos EPI. Os EPI devem ser entregues pelo delegado de segurança de cada sector que, deve explicar a correta utilização dos mesmos, aos colaboradores que o utilizem.
  • Deve existir em cada sector material EPI em stock suficiente.
  • Deve fazer-se a medição de temperatura corporal do colaborador, diariamente.
  • Os espaços de trabalho e instalações devem ser higienizados e desinfetados regularmente, pelo menos duas vezes por dia. Em instalações utilizadas pelo público (pessoas externas ao serviço) a limpeza e desinfeção deve ser feita de hora a hora, com especial atenção a botões, puxadores, maçanetas e outros onde possa haver toque manual;

    Calendarização de abertura dos espaços de atendimento de acordo com o Despacho nº 8/GAP/2020 de 04 de maio de 2020:

  • Arquivo Municipal: 6 de maio;
  • Balcão Único (apenas serviços municipais): 6 de maio;
  • Biblioteca Municipal Miguel Torga (Arganil): 6 de maio;
  • Biblioteca Alberto Martins de Carvalho (Coja): 6 de maio;
  • Centro Municipal de Recolha Animal: 6 de maio;
  • Mercado Municipal: 14 de maio;
  • Cerâmica Arganilense: 1 de junho;
  • Estabelecimentos de ensino pré-escolar (*): 1 de junho;
  • Parque de Campismo: 1 de junho;
  • Postos de Turismo: 1 de junho.

    (*) Na reabertura das escolas, aplica-se a Norma Orientadora de 28 de abril de 2020, da DGS, EMGFA e DGEsTE.

    Plano de Contingência Municipal – Revisão 1


    05 de Maio, 2020

    Reabertura das Bibliotecas Públicas no Concelho de Arganil a 6 de maio

    No seguimento das medidas de desconfinamento aprovadas pelo Governo, as Bibliotecas Públicas vão reabrir ao público no dia 6 de maio. Esta abertura é no entanto limitada, atendendo ao elevado risco de contágio pelo novo coronavírus, que continua presente.

    Na Biblioteca Municipal em Arganil, abrirão ao público os seguintes serviços: Balcão de Atendimento, com serviço de fotocópias, impressões e serviço de referência; a Sala de Adultos com 11 lugares disponíveis, rede wi-fi e acesso a 3 computadores da Biblioteca; a Sala Jovem com 2 lugares disponíveis com acesso a rede wi-fi e computadores da Biblioteca. Está vedado o acesso às estantes e aos periódicos em papel, estando no entanto disponível para consulta os jornais Público e as Beiras em formato digital.

    Na Biblioteca Alberto Martins de Carvalho em Coja estará também a funcionar o Balcão de Atendimento, com serviço de fotocópias, impressões e serviço de referência e estarão disponíveis 11 lugares com acesso à rede wi-fi e 5 computadores da Biblioteca.

    As Bibliotecas terão circuitos perfeitamente definidos para circulação dos utilizadores através de sinalética colocada no chão, nas portas e em expositores e será disponibilizada informação pertinente para a sua utilização.

    O horário de abertura ao público será das 9h00 às 17h00 sem interrupção à hora do almoço.

    As Bibliotecas continuarão a prestar os serviços que têm disponibilizado durante o período em que estiveram fechadas, nomeadamente o Empréstimo Domiciliário, feito através de reservas no CATÁLOGO EM LINHA e disponibilizado nos Pontos de Recolha na Biblioteca Municipal em Arganil e na Biblioteca Alberto Martins de Carvalho em Coja.

    A partir do dia 6 de maio as Bibliotecas vão passar a receber devoluções dos livros emprestados que serão depositados pelos leitores nos PONTOS DE RECOLHA em recipiente próprio disponível no local.

    Para além da reabertura das Bibliotecas, vão também ter início novos serviços de leitura dirigidos à população:

    Para os mais pequenos e respectivas famílias vai ser reactivado o serviço de leitura PAIS E FILHOS LIVROS E TERNURA, numa versão adaptada às circunstâncias e para as crianças que frequentam o 2º, 3º e 4º ano de escolaridade vai também ser implementado o EMPRÉSTIMO DOMICILIÁRIO À DISTÂNCIA com o apoio dos professores de turma. Para viabilizar estes novos serviços vão ser criados outros PONTOS DE RECOLHA nas Escolas do 1º CEB de S. Martinho da Cortiça, Sarzedo, Pombeiro da Beira e Pomares.

    Por último OS LIVROS TAMBÉM ALIMENTAM é um apoio que vai beneficiar todos aqueles que não podem sair de casa e a quem são entregues bens de primeira necessidade em articulação com o Serviço de Acção Social do Município. Junto com os bens entregues irá também um saco com livros. Estes livros poderão ser livros requisitados no catálogo em linha para empréstimo domiciliário, ou oferta de livros de que já existem duplicados nas Bibliotecas e que estariam à venda na Feira do Livro Usado mas, que na impossibilidade da realização da mesma, o Município oferece.

    O Serviço de Apoio à Leitura no Concelho – SALEC- é uma iniciativa do Município de Arganil através da Biblioteca Municipal para projectos de leitura. Pode envolver vários parceiros como a Rede de Bibliotecas Escolares, Instituições, Associações, bem como outros serviços do Município.